Supporte Logística e CSI Cargo são as novas associadas à ABOL

Criada em 2012, a Associação reúne os 32 maiores players do setor

Operadores Logísticos

Duas novas empresas integram a Associação Brasileira dos Operadores Logísticos (ABOL) em 2023. Supporte Logística e CSI Cargo somam ao grupo anterior de 30 filiadas que buscam avanços para o mercado. 

Supporte Logística

Criada em 1999 em Uberlândia (MG), a Supporte possui entrepostos e armazéns nos principais pontos estratégicos do país. Apesar de ter nascido uma empresa de transporte e logística integrada, hoje ela oferece uma solução completa para o consumidor, seja B2C ou B2B, além de uma estrutura capacitada para atender grandes clientes do Brasil ou do exterior.

Os serviços disponíveis vão desde transporte e armazenagem até uma plataforma digital robusta para que o cliente tenha sua própria loja de e-commerce.

“A Supporte provê serviços de logística integrada há mais de 20 anos. Considerando que já atuamos como operadores logísticos, aliado ao fato de que a empresa vem crescendo  e se profissionalizando, entendemos que era a hora de fazer parte da associação que representa a classe, compondo esse seleto grupo  de players que operam grande parte da logística nacional”, destacou o CEO da Supporte, Pedro Carneiro.

CSI Cargo

Já a CSI CARGO é uma empresa de soluções de intralogística com capacidade para atender diversos segmentos. A empresa nasceu dentro da indústria automobilística e isso a posiciona no mercado com estratégias que aceleram ganhos de produtividade e até mesmo financeiros. Uma das suas principais premissas é a utilização da inovação como um importante fator de otimização das operações dos clientes.

“Há 25 anos, a CSI Cargo atua no Brasil como operador logístico, aplicando a logística na sua mais pura essência, com as melhores técnicas e muita paixão. Nos sentimos orgulhosos de fazer parte do seleto grupo da ABOL e esperamos poder trocar experiências e contribuir para o desenvolvimento da Logística em nosso País”, explicou o diretor – presidente da CSI, Andrés Ceballos.

 

Para a diretora executiva da ABOL, Marcella Cunha, é um prazer ter as empresas no time da Associação. “A chegada de um novo operador logístico traz ainda mais representatividade e legitimidade à ABOL, posicionando a entidade como a principal representante dos OLs aqui no País.

Além disso, contribui para alcançarmos os nossos objetivos, que incluem maior segurança jurídica para o segmento e uma infraestrutura de qualidade para a execução dos serviços de logística integrada oferecidos pelas empresas. Desejamos boas-vindas e, juntos, vamos caminhar por um futuro promissor para a logística brasileira”.

LEIA MAIS: NTC&Logística divulga programação do CONET&Intersindical

Compartilhe nas redes sociais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu Nome aqui!