Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Empresas | sexta-feira, 27/01/2017 01:30

Yamaha cria Yamalog, para prestação de serviços logísticos

Operadora começa a oferecer transporte e operação in house para fábrica de Manus

A Yamaha deu início esse mês às operações da Yamalog (Yamaha Motor do Brasil Logística Ltda), primeira empresa de logística do Grupo Yamaha no mundo, com sede em Manaus (AM).

Segundo o presidente da Yamaha do Brasil, Itaru Otani, a Yamalog empresa irá se concentrar em segurança e qualidade como empresa logística e, em seguida, desenvolver serviços que ofereçam o máximo em benefícios e aumentem a competitividade da Yamaha no Brasil.”

A Yamalog começou a operar oferecendo serviços como transporte e operação in house desde a saída da linha de produção, expedição da fábrica, transferência dos produtos acabados da fábrica da Yamaha em Manaus para o CD. Além da gestão do estoque, inventários, expedição e faturamento, disponibilização de mão de obra e também equipamentos de movimentação de materiais. Em 2018, a empresa estará presente em todas as frentes do processo de logística da Yamaha, atuando com armazenagem e distribuição em áreas autônomas em relação aos negócios das demais empresas do Grupo no Brasil.

Os processos logísticos da Yamaha se iniciam após o produto finalizado na linha de montagem, primeiramente com a inspeção de produto, carregamento, transporte das motocicletas e produtos náuticos até o armazém de estoque. No centro de distribuição de produtos finalizados acontece toda a gestão de estoque e organização logística de expedição para os mais variados destinos. Na etapa seguinte da operação, os produtos são levados ao porto de Manaus, de onde, via balsa, são encaminhados ao porto de Belém e escoados via transporte rodoviário para todo o Brasil. O processo é complexo e deve ocorrer sem atrasos para cumprir com todos os prazos de estrega estabelecidos com os consumidores finais. 

Apesar de pertencer ao Grupo Yamaha, a Yamalog não será beneficiada nas licitações da empresa, concorrendo com outros fornecedores de logística e tendo o desempenho avaliado constantemente. Isso porque a Yamalog não foi criada para atender somente Grupo Yamaha, mas para atuar em todos os mercados e oferecer serviços a outros clientes.

Fonte: Mundo Logística

Deixe seu comentário