Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Balanço | quinta-feira, 16/02/2017 06:27

Setor de serviços cai 5% e registra o pior resultado desde 2012

Serviços de transportes contribuíram para a queda, de acordo com o levantamento do IBGE

O IBGE divulgou nesta quarta-feira (15) o resultado do setor de serviços de 2016. De acordo com os dados, as atividades recuaram 5%, o pior resultado desde início da série em 2012. É o segundo ano de queda; em 2015, a baixa foi de 3,6%, o primeiro negativo resultado negativo da série.

Os serviços de transportes estão entre os que tiveram o pior desempenho. Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços, as perdas do setor de transporte terrestre, o que inclui movimentação de carga e de passageiros, foram de 10,4%. O resultado seria motivado pela atual conjuntura econômica brasileira.

O desemprego em alta fez com que o consumo caísse, prejudicando os transportes de mercadorias. Com a renda menor ou mesmo sem nenhuma renda, o brasileiro também passou a se deslocar menos, tanto em trajetos urbanos como em rodoviários.

Em nota, o IBGE diz que em dezembro houve uma pequena elevação no setor de serviços em relação a novembro de 2016, mas que as atividades dependem de uma recuperação do setor industrial. Em dezembro o volume do setor de serviços apresentou cresceu 0,6% frente a novembro. No confronto com igual mês do ano anterior, o setor registrou queda de 5,7%, a maior para o mês de dezembro nessa comparação desde o início da série em 2012. A taxa acumulada no ano de 2016 ficou em -5,0% e a receita nominal registrou variação de 0,5%.

Fonte: IBGE

Deixe seu comentário