Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Sustentabilidade | quarta-feira, 12/07/2017 05:15

Scania apresenta primeiro ônibus brasileiro movido a GNV/Biometano

Modelo se destaca pela diminuição de gases poluentes e a redução de custos operacionais
Modelo se destaca pela diminuição de gases poluentes e a redução de custos operacionais
A Scania apresentou o primeiro ônibus nacional movido a biometano/GNV no Fórum Brasil de Gestão Ambiental (FBFA), em Campinas. O veículo foi desenvolvido por meio de uma parceria entre a montadora e as empresas Comgás e Agility
 
O responsável por desenvolvimento do mercado de Ônibus Urbanos da Scania no Brasil, Eduardo Monteiro, explica que o modelo está despertando o interesse da sociedade como uma solução para uma mobilidade urbana mais sustentável. 
 
“Esse ônibus chama a atenção pela redução de custos operacionais por quilômetro rodado. Além da diminuição da poluição sonora e de emissões, pois em comparação com um veículo similar a diesel, ele emite 85% menos gases poluentes, se abastecido com biometano, e 70%, se estiver movido com GNV”, destaca. 
 
De acordo com o gerente de marketing GNV da Comgás, Ricardo Vallejo, o gás natural possui baixos índices de poluição e pouco contribui para o crescimento do efeito estufa. “Se comparado a combustíveis fósseis, por exemplo, o gás afeta menos a saúde das pessoas. Além disso, tem uma excelente competitividade em comparação aos combustíveis de baixo custo, como o diesel e biodiesel”.  
 
O ônibus movido a biometano ou GNV, ou ainda na mistura de ambos, já é uma realidade reconhecida na Europa. No Brasil, a linha Scania com motor a gás veicular natural (GNV/biometano) oferece três modelos. O K 280 4×2, que pode receber carrocerias de 12,5 a 13,20 metros de comprimento. O K 280 6×2, de 15 metros de comprimento e dois eixos direcionais. Ambos equipados com motor de 280 cavalos. E o articulado K 320 6×2/2, de 18 metros, com propulsor de 320 cavalos.
 
Fonte: Portal Lubes
 

Deixe seu comentário