Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Mercado | segunda-feira, 03/04/2017 02:30

Petrobras mantém preços do diesel e da gasolina nas refinarias

Decisão veio com a variação inexpressiva do mercado europeu em março
Decisão veio com a variação inexpressiva do mercado europeu em março
 
A Petrobras informou na última sexta-feira, 31, que o Grupo Executivo de Mercado e Preços (GEMP), decidiu manter os preços do diesel e da gasolina nas refinarias, seguindo a política de preços anunciada em outubro de 2016.
 
Em nota, a estatal explica que ao longo do mês de março, o mercado internacional de derivados registrou níveis de instabilidade elevados. No caso da gasolina, o principal motivo é a mudança de especificação do produto no hemisfério norte, em função do fim do inverno.
 
Segundo a empresa, houve na primeira metade do mês de março uma queda expressiva nos mercados europeus, revertida por altas nas semanas finais. "Em decorrência, quando considerada somente nas posições de início e fim de mês, essa componente teve variação inexpressiva", afirma.
 
A petroleira informou que a decisão também reflete o efeito combinado de desvalorização do real e aumento no valor dos fretes marítimos, além de ajustes na competitividade da Petrobras no mercado interno.
 
Para a estatal, os novos preços continuam com uma margem positiva em relação aos valores internacionais, conforme princípio da política anunciada, e estão alinhados com os objetivos do plano de negócios 2017/2021.
 
A empresa também lembra que a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, portanto, as revisões feitas pela empresa nas refinarias podem ou não se refletir no preço final ao consumidor.

Deixe seu comentário