Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Infraestrutura | segunda-feira, 05/06/2017 03:12

Em Mato Grosso, 62% das rodovias são reprovadas para o transporte

De 4.731 quilômetros percorridos em 2016, apenas 1.802 km de rodovias foram aprovadas
De 4.731 quilômetros percorridos em 2016, apenas 1.802 km de rodovias foram aprovadas
Os dados do Anuário da Confederação Nacional do Transporte (CNT), que analisa a evolução dos modais rodoviários no país, apontaram que o estado do Mato Grosso possui 62% da sua malha rodoviária reprovada, recebendo as classificações regular, ruim ou péssima. No Estado foram percorridos 4.731 quilômetros em 2016 e, desse total, apenas 38% (1.802 km de rodovias estaduais e federais) foram aprovados, ou seja, estão em ótimo ou bom estado de conservação.
 
Analisando apenas o pavimento das rodovias, os índices também não são bons. A reprovação é de 63% e 37% aprovados. Já no quesito sinalização, a situação é melhor no estado. O anuário mostra que 67% das rodovias foram aprovadas quanto à sinalização e apenas 33% reprovadas.
 
Apesar dos dados gerais continuarem negativos, os números apresentados esse ano apontam uma melhora em relação a 2005, quando começaram os levantamentos e o anuário da CNT classificou como reprovados 87,6% dos trechos avaliados. Estes índices permaneceram até 2014, já em 2015 a avaliação começou a subir, mas ainda teve reprovação acima dos 60%.
 
O levantamento feito pela entidade aponta que a qualidade e o crescimento da malha rodoviária em todo o país não acompanham a demanda de infraestrutura para o escoamento da produção nem para o deslocamento de pessoas. A frota de veículos aumentou 194,1%, de 2001 para 2016, mas as rodovias continuam com graves problemas de qualidade, comprometendo a segurança. No ano passado, mais da metade dos trechos avaliados pela CNT apresentaram problemas. Do total da malha, 1,7 milhão de km, apenas 12,2% (210.618,8 km) têm pavimento.
 
Fonte: MT Agora
 

Deixe seu comentário