Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Sustentabilidade | terça-feira, 01/11/2016 10:36

DHL lança ferramenta que mede emissão de gases no transporte de carga

‘Carbon Calculator’ é gratuita, com acesso online, e pode ser utilizada para trechos nacionais e internacionais com aplicação em diferentes modais

A DHL Global Forwarding lança o DHL Carbon Calculator, ferramenta online que permite o cálculo do volume de gases que provocam o efeito estufa no transporte de cargas. A ferramenta, que é gratuita, permite que proprietários e transportadores calculem as emissões de quase qualquer tipo de carga e modal utilizado (aéreo, marítimo, rodoviário, ferroviário, etc.).

O cálculo é feito em tempo real, com base em algoritmos inteligentes e bases de dados internacionais reconhecidas. “Enquanto muitas ferramentas online proporcionam apenas uma estimativa grosseira das emissões nos transportes e rotas, o DHL Carbon Calculator é baseado em dados logísticos reais” explica Kathrin Brost, vice-presidente de Estratégia Sustentável da DHL Global Forwarding.

Para determinar o nível de emissões, o DHL Carbon Calculator usa dados de seu Departamento de Contabilidade e Controle de Carbono. A tecnologia utilizada reflete protocolos internacionais como o Greenhouse Gas Protocol, o European Standard EN 16258, assim como o Global Logistics Emissions Council.

Karina Tomoff, vice-presidente de Shares Services do Grupo, ressalta os benefícios para os clientes: “Com a operação intuitiva do DHL Carbon Calculator, nossos clientes podem determinar, antecipadamente, o impacto ambiental exato de seus embarques – a qualquer tempo, de qualquer lugar e sem custos”.

Para calcular as emissões, o internauta deve preencher a localização do remetente e do destinatário, assim como o volume e peso dos produtos embarcados. Baseados nestas informações, o DHL Carbon Calculator recomenda uma rota de transporte, que pode ser alterada. Com isso, a ferramenta calcula o montante de CO2 e outros gases do efeito estufa que o transporte irá gerar. As consultas à ferramenta são gratuitas e não demandam registro. No entanto, usuários registrados têm acesso a uma gama ampliada de funções analíticas.

Deixe seu comentário