Acompanhe a Editora Frota
Para prevenir o envio de spam, deixe este campo em branco.

 

Você está aqui

Transportadora é absolvida de responsabilidade por morte de caminhoneiro assassinado após dar carona

Tatiana Ferraz ...


Especialista em Direito e Processo do Trabalho e sócia da Ferraz Andrade Advogados
seg, 09/19/2016 - 00:00

A Sétima Turma do Tribunal Superior do Trabalho não conheceu de recurso dos dependentes de um caminhoneiro da Transbahia Transportes Ltda. que foi assassinado pela pessoa a quem deu carona. A viúva e os filhos buscavam o reconhecimento da responsabilidade civil da empresa pela morte do ente familiar, mas a Turma manteve o entendimento que isentou a transportadora de culpa, por considerar que, mesmo exercendo atividade considerada de risco, o caminhoneiro "contribuiu para o evento danoso ao dar carona a terceiros, sem prévia autorização da empresa". (RR-233900-86.2009.5.20.0003)

Comentar